O impacto do seu
O impacto do seu “cartão de visitas” pode estar relacionado à venda
Posted by

O impacto do seu “cartão de visitas” pode estar relacionado à venda

Foto: Pelé Club – Belém

Durante minha palestra na 14ª IHRSA, levantei alguns pontos pertinentes sobre a arquitetura usada de forma estratégica no momento da venda. A arquitetura é um dos principais instrumentos para oferecer um espaço personalizado ao frequentador, sendo responsável por criar a sensação de segunda casa.  Um dos tópicos apontados no evento foi o primeiro impacto, o qual é central na captação da atenção do visitante e no encantamento. Vale lembrar que a venda é emocional!

O primeiro impacto está relacionado com a primeira impressão, que deve ser boa. A frase é mais do que verdadeira – a primeira impressão é a que fica. Tratando-se de empreendimentos comerciais, ela adquire muita importância. Tomemos o exemplo, qual dessas academias chamaria mais a sua atenção: uma cujo revestimento da fachada é a pintura ou uma que possui argamassa decorativa e um grande painel de vidro? Se você respondeu a segunda opção, acaba de inconscientemente se levar pela primeira impressão, ainda que esta não tenha sido presenciada.

Vivemos orientados pelo olhar. Segundo estudos, bastam 30 segundos para criar uma opinião sobre alguém. Esta imagem é formada basicamente por sinais que emitimos, mesmo sem falar ou esboçar uma ação, que são apreendidos pela visão. Naturalmente, a primeira impressão pode sofrer uma mudança com o aprofundamento da convivência, mas é primordial estarmos atentos ao que transmitimos logo no primeiro contato. O discurso não foge à regra na relação de lojas, empresas e academias com o cliente.

nocaute1

Foto: Nocaute Academia

A fachada e a recepção são duas partes do projeto que são fundamentais dentro deste conceito de primeiro impacto. Inclusive, costumo dizer que elas deveriam fazer parte da demanda de marketing da academia. Afinal, estes locais são onde começam a experiência do visitante, ou seja, o cartão de visita. Elas definem o padrão da academia aos olhos do cliente. Por isso, móveis, cores e materiais usados precisam transmitir a imagem que a academia deseja passar para o seu público.

Todo o visual necessita corresponder ao estilo de vida e aspirações do aluno, caso contrário não será criada identificação, sensação de pertencimento e vínculo.

De forma mais técnica, o cérebro busca o equilíbrio visual sempre, o que leva a uma tendência natural a se gostar de alinhamento e simetria. As cores produzem sensações muito rápidas, por isso indico aos clientes investirem em mudanças de tons nas paredes da recepção com certa frequência, aplicando cores quentes, porque são estimulantes e dão animação. Outra estratégia para melhorar o primeiro impacto é utilizar recursos naturais para abrir o olhar; o homem tem atração por água e isso pode ser colocado a favor do relacionamento.

Pense seriamente sobre a fachada e a recepção da sua academia. Qual imagem ela atualmente transmite? A questão é séria, pois dificilmente teremos uma segunda oportunidade de causar uma boa primeira impressão e, por consequência, um bom primeiro impacto.

 

Patricia Totaro atua desde 1994 no mercado esportivo desenvolvendo projetos de arquitetura para academias de ginástica, escolas de natação, clubes, centros esportivos e spas. www.patriciatotaro.com.br

Facebook: www.facebook.com/patriciatotaroarqresultados

Twitter: @ArqResultados

Comments

0 Comentários desativados em O impacto do seu “cartão de visitas” pode estar relacionado à venda 3610 19 novembro, 2013 Arquitetura, Patricia Totaro novembro 19, 2013

About the author

Thais Almeida é diretora e curadora de conteúdo deste portal.

View all articles by Administrador

Pesquisar

Cursos

Facebook