Conheça os truques das academias para empolgar os alunos
Conheça os truques das academias para empolgar os alunos
Posted by

Conheça os truques das academias para empolgar os alunos

‘Spinning’ com videoclipes e clima de boate, localizada com DJ, aula à fantasia estão entre as novidades

O professor de Educação Física e DJ Luiz Claudio Fortunato prepara o computador e faz os últimos ajustes numa mesa de som. O teste da luz, acionada por um controle remoto, já foi realizado. A pequena sala fica toda colorida, ora de vermelho, rosa, verde ou azul. Vai começar a aula de spinning. É assim, em clima de boate (no melhor dos sentidos), que os alunos pedalam e torram as calorias na nova unidade da BodyTech, inaugurada há dois meses no Leblon. Incrementar as aulas com pirotecnias faz parte da estratégia das mecas de malhação para empolgar e tentar manter o aluno assíduo por mais de um verão.

Pensar em artimanhas que estimulem os recém-matriculados é truque antigo nas grandes academias. Isso porque uma boa parte deles se deixa vencer pela preguiça e desiste com certa facilidade. De acordo com a Associação Brasileira de Academias (Acad), a evasão de alunos nos três primeiros meses após a matrícula chega a 30%. Teve época em que o principal chamariz era oferecer um acompanhamento mais personalizado e comprovar o progresso do aluno em avaliações periódicas — um tipo de serviço que se tornou comum em praticamente todas as academias. Desenvolver novas modalidades de aulas também demonstra a tentativa de sacudir o aluno, literalmente. Agora, chegou a vez de dar um plus nas já existentes.

O DJ e as luzes coloridas, por exemplo, entram nesse pacote. O professor Fortunato explica que o segredo é tornar aquela horinha mais dinâmica e disfarçar o esforço que está sendo feito durante o exercício.

— Mesmo cansados, eles acabam pedalando um pouco mais pelo clima contagiante — diz Fortunado, que repete ali as músicas que mais empolgam na pista de dança, como o estilo house de Calvin Harris e David Guetta.

Mas não fica só na música. Muitas salas de spinning agora estão equipadas com telas que passam videoclipes das mais diversas épocas. Na Proforma é assim. Na unidade da Rua Dias Ferreira, no Leblon, os alunos chegam a dar gritinhos a cada hit que começa nas três telas de LCD de 30 polegadas, espalhadas na frente das bicicletas. O professor Leonardo Reis capricha noflashback para cativar a mulherada, que canta junto. O repertório varia de Roberto Carlos a ABBA, passando por Kid Abelha. Um dos momentos de auge na aula, aliás, é quando o lendário grupo sueco aparece nas telas, entoando Mamma Mia.

— Faço spinning já há 14 anos e posso dizer que os vídeos empolgam muito, porque você se distrai, fica reparando na produção daquele clipe, nas roupas… — garante a comerciante Luiza Iatarola. — Durante o programa “The Voice” (que foi exibido no mês passado na TV Globo), o professor levou alguns vídeos do “The Voice” americano, era o máximo.

A boa, velha e monótona repetição de séries das aulas de localizada também entrou na mira das academias. Já comum na área de musculação, a figura do DJ agora também tem dado o ar da graça na “local”. Na Academia da Praia, na Barra, e na ProQuality, no Centro, tem. Na Velox, na Lagoa, a ideia era promover apenas algumas aulas especiais, batizadas de Local Night. Mas fizeram tanto sucesso que entraram na grade. Na última segunda-feira, a série de glúteos e abdômen foi repetida ao som (alto) de Naldo, MC Coringa e MC Anita. Para o DJ Geison, no comando da seleção, versos como “E aí, mulher filé, verão chegando, praia, piscina, tá calor, tá quente…”, do MC Don, prometem estimular a mulherada a deixar o corpo sarado.

Foi também na segunda-feira que os alunos da Companhia Athletica, na Barra, chegaram para a aula de zumba com um figurino diferente. Com arcos de anteninhas e colares de havaiana, eles requebraram com os adereços na dança-fitness, sucesso mundial inventado pelo colombiano Beto Perez. Trata-se de uma aula temática. Já teve de halloween, anos 80, gafieira e, agora, com o carnaval se aproximando…

— A ideia é sair um pouco da rotina, para estimular o aluno e criar uma expectativa para a próxima aula — explica o professor Dudu Neves.

— Um dos segredos para não desanimar é aderir às aulas coletivas de aeróbica, em vez de ficar sozinha na esteira, no transport… — diz a dentista Kerma Colucci, que fez a aula carnaval de zumba. — Essas temáticas são boas para animar até os mais inibidos, que veem todos se divertindo e acabam querendo entrar na brincadeira também.

 

Fontes: Globo.com

 

Comments

0 Comentários desativados em Conheça os truques das academias para empolgar os alunos 1881 22 janeiro, 2013 Marketing e Vendas janeiro 22, 2013
Avatar

About the author

Thais Almeida é diretora e curadora de conteúdo deste portal.

View all articles by Administrador

Pesquisar

Parceiros

Cursos

Facebook