Todo mundo precisa de um guru
Todo mundo precisa de um guru
Posted by

Todo mundo precisa de um guru

Eu acho que nunca vou escrever um livro, nem sobre teorias de administração, nem sobre como se ganhar dinheiro e muito menos sobre auto ajuda.

Eu simplesmente não inventei nenhuma teoria sobre administração, nunca descobri como ganhar dinheiro de forma fácil, e, portanto,  não me acho capaz para ficar dando conselho aos outros.

Quem não é inventor, quem não é criador, precisa ao menos saber copiar. E isso, eu acho que aprendi a fazer.

Leio bons livros de administração, e no decorrer do tempo criei o meu rol de gurus. Acho que aprendi muitas coisas, e procuro aplica-las, para desespero de meus sócios. Claro que desespero, pois acabo dando trabalho para todo mundo.

Um dia, numa roda de amigos, a gente comentava sobre livros de cabeceira. Livro de cabeceira é aquele livro que realmente foi importante em nossas vidas. Um amigo meu, a quem eu respeitava muito, falou-me sobre o livro de Stephen Covey “Os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes”.

Eu comprei o tal livro, e depois de algum tempo, eu o li.

Confesso que não gostei muito do livro. A bem da verdade, eu não estava no “momento”. Li o livro e absorvi muito pouco do que estava escrito.

Esse livro ficou sobre a minha mesa, e um dia o meu amigo viu o livro e me falou de cor, quais eram os 7 hábitos. Eu tinha lido o livro, e não me lembrava de nenhum. Que desastre, que falta de atenção.

Alguns dias depois, eu recebi um e-mail sobre um curso presencial do “Os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes”.

Resolvi me inscrever no curso de 3 dias, para ver se eu aprendia, aquilo que não aprendi lendo o livro.

Alguns dias mais tarde, para azar meu, me mandaram os pré requisitos para se fazer o curso. Tinha de responder a um enorme questionário, e ler o livro dos “7 hábitos das pessoas altamente eficazes” Poxa, eu queria fazer o curso para entender o assunto e agora tinha de ler outra vez o bendito do livro.

Resolvi fazer a lição de casa e ler o livro novamente. Que coisa mais maluca. Ao ler o livro pela 2ª vez, eu simplesmente adorei o livro. Percebi que estava no momento certo, e absorvi muito bem o seu conteúdo. Já sabia agora quais eram os tais “7 hábitos”.

Fui fazer o curso de 3 dias, e voltei uma pessoa completamente diferente. Parece, que eu tinha descoberto a fórmula do sucesso pessoal e do sucesso profissional. Eu não pensava em outra coisa, senão dividir aquilo que eu tinha aprendido, com os outros.

Falei com os meus sócios sobre o curso, e todos ficaram interessados. Éramos 8 sócios, e mais alguns gestores, pois naquela época ainda tínhamos poucas unidades da Cia Athletica.

Fui conversar com o pessoal da Franklin Covey para dar o curso para as 16 pessoas que eu tinha em mente, porém o custo era alto para o nosso bolso.

Convenceram-me a tornar-me um Facilitador do curso. Eu aprenderia a ser facilitador desse curso, compraria as licenças, e estaria apto a dar o curso.

Meu objetivo era ensinar 16 pessoas e já estaria feliz com isso.

Formei-me como facilitador, e marcamos o curso de 3 dias para os diretores e gestores da Cia Athlética.

Como disse, eram 16 pessoas, e o curso aconteceu.

Quando terminamos o curso, tive um excelente feedback. Os 16 pediram para que eu desse esse curso para outros gestores.

Esse 2º curso também aconteceu, e o pedido geral, é que o curso devia ser dado para todos os colaboradores.

Desde então, mais de 1200 colaboradores da Cia Athletica já fizeram o curso comigo.

O resultado é surpreendente. As pessoas dão um excelente feedback sobre o curso, e para muitas pessoas, a ficha cai, e existe de fato uma mudança de atitude.

Mas afinal, o que são os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes?

Tem algum truque, tem alguma coisa nova ou surpreendente? Não, não tem nada de grande novidade, mas tem algo muito importante. Os 7 hábitos quando efetivamente praticados, mudam a vida das pessoas.

Quais são os 7 hábitos?

  1. Seja pro ativo: Explica o que é ser pro-ativo, a diferença entre o reativo e o pró ativo.
  2. Tenha um objetivo em mente: Tudo que fazemos em nossas vidas, tem de ser pensado.
  3. Primeiro, o mais importante: Ensina a gente saber escolher as prioridades.
  4. Pense Ganha-Ganha: Manter relacionamentos de longo prazo, exigem pensamentos que sejam bons para ambas as partes
  5. Compreender primeiro para depois ser compreendido: Explica a importância de saber escutar, para depois conseguir colocar o nosso ponto de vista
  6. Crie Sinergia: Aprende-se como aproveitar e celebrar diferenças.
  7. Afinar o instrumento: O que devemos fazer para executar bem os 6 primeiros hábitos.

Embora tudo pareça muito óbvio, o conjunto de exemplos e exercícios dados no curso, fazem com que a gente realmente repense no formato em como levamos a nossa vida.

Esse curso é básico para os colaboradores da empresa, e sua essência é tao importante, que deveria ser matéria na escola.

Meu objetivo nesse artigo, não foi explicar o que são os 7 hábitos. Não dá para resumir um curso de 3 dias ou um livro de 200 páginas em 3 parágrafos. O objetivo aqui foi explicar a necessidade de aprendizado e transformação.

Deixo aqui algumas perguntas a vocês:

Quem é o seu guru?

Qual o seu livro de cabeceira?

Quem lhe inspira?

O que você imagina estar fazendo daqui a 5 anos, daqui a 10 anos.

Faça sua vida acontecer. Não acredite naquela musica, “deixo a vida me levar”

 

Gary Schulze  cursou Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas, não tem MBA, não tem PHD, só tem 1 terno, e NUNCA trabalhou. Faça algo que você gosta, e não trabalhará nenhum dia de sua vida. gary@ciathletica.com.br www.ciaathletica.com.br

Comments

0 Comentários desativados em Todo mundo precisa de um guru 1760 27 junho, 2012 Gary Schulze, Liderança e Pessoal junho 27, 2012
Avatar

About the author

Thais Almeida é diretora e curadora de conteúdo deste portal.

View all articles by Administrador

Pesquisar

Parceiros

Cursos

Facebook