Número de academias no país sobe mais de 3 vezes em 6 anos
Número de academias no país sobe mais de 3 vezes em 6 anos
Posted by

Número de academias no país sobe mais de 3 vezes em 6 anos

Eram 7 mil unidades em 2006 para 22 mil em 2012, diz associação. Quase todas as empresas são micro ou pequenas, diz Sebrae.

O número de academias de ginástica mais do que triplicou nos últimos seis anos até 2012 no país, de acordo com dados da Associação Brasileira de Academias (Acad), saltando de 7 mil unidades em 2006 para 22 mil em 2012. E praticamente a totalidade das empresas do ramo são micro e pequenas, aponta levantamento paralelo feito no mesmo período pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

Os dados do Sebrae apontam que eram 7,5 mil micro e pequenas empresas no ramo em 2006, número que saltou para 21,7 mil em 2012 (os números variam um pouco pois os dados do Sebrae levam em conta todos os registros no banco da Receita Federal). Tanto a Acad quanto o Sebrae ainda não têm os números de 2013.

“Além da busca por uma melhor qualidade de vida, o aumento de renda dos brasileiros tem influenciado fortemente nessa evolução”, avalia o presidente do Sebrae, Luiz Barretto.

O número de alunos nas academias praticamente dobrou no período, de 3,5 milhões em 2006 para 6,7 milhões em 2012. Os dados da Acad também apontam que o faturamento do setor saiu de R$ 763 milhões em 2006 para R$ 2,3 bilhões em 2012.

“Hoje temos um mercado interno forte com mais de 100 milhões de consumidores, sendo que 40 milhões deles pertencem à nova classe média. Brasileiros da classe C e D têm mais condições de poder adquirir produtos e serviços do que nas últimas décadas”, avalia Barreto.

Dicas para abrir negócio
Barreto dá dicas a empreendedores que querem aproveitar o crescimento do mercado. Entre elas estão elaborar um plano de negócios, avaliar a capacidade financeira e não misturar as contas pessoais com as da empresa.

“No caso das academias ainda é essencial primar pela qualidade do atendimento para satisfazer e fidelizar o cliente. No setor de serviços, o principal diferencial de competitividade”, disse.

O importante é buscar fidelizar o cliente na academia. “Faz com que ele passe a gostar e notar que as qualidades da prática de exercícios vão muito além de apenas um corpo bonito”.

Uma das formas de “fidelização” é a qualidade no atendimento. “É fundamental dispor de funcionários muito bem treinados, motivados e comprometidos, com iniciativa para solucionar problemas e buscar a melhor experiência para o cliente.”

Outra dica é realizar ações de pós-venda, como remessa de cartões de aniversário, comunicação de novos serviços e novos produtos ofertados, contato telefônico lembrando eventos e promoções é uma das opções. “Também é preciso distribuir bem os horários [de aulas] para ampliar o alcance do público e oferecer uma boa variedade de opções de modalidades individuais e coletivas para homens e mulheres, independentemente da faixa etária”. Firmar convênios com escolas, condomínios e empresas também é um bom caminho para evitar a sazonalidade.

 

Fonte: http://g1.globo.com/economia/pme/noticia/2014/01/numero-de-academias-no-pais-sobe-mais-de-3-vezes-em-6-anos.html

Comments

0 Comentários desativados em Número de academias no país sobe mais de 3 vezes em 6 anos 1547 08 fevereiro, 2014 Gestão de Academias fevereiro 8, 2014
Avatar

About the author

Thais Almeida é diretora e curadora de conteúdo deste portal.

View all articles by Administrador

Pesquisar

Parceiros

Cursos

Facebook